Imagem ilustrativa

A jovem Janete Ortiz do Santos, 31 anos, foi presa na manhã desta quarta-feira (11), acusada e assim autuada por homicídio qualificado por motivo fútil. Ela teria matado a facadas, Cristiano Correa da Silva, 33 anos, em Mundo Novo, município no extremo Sul de MS, a 462 quilômetros de Campo Grande. Testemunhas contaram que a jovem estava brava por ciumes e já embriagada, se encorajou ainda mais para cometer o crime contra a vida do rapaz.

De acordo com boletim de ocorrência, a polícia foi acionada por volta das 7 horas de hoje, após ser informada de um esfaqueamento em um bar, na região do Bairro Fleck. Ao chegarem encontraram a vítima caída no chão já sem vida.

Informações são de que a mulher de posse de uma faca desferiu golpes contra Cristiano, abaixo do coração, que morreu no local. O atual namorado da autora contou que o motivo para o assassinato seria ciúmes.

Outro crime

O curioso no caso relatado em B.O é que outros dois homens podem ter cometido outro crime, de ajuda a acusada e ou obstrução de investigação ao mexer na cena do crime e ainda subtrair a arma da ação.

Conforme B.O, após o crime, dois homens em uma motocicleta passaram em frente ao bar e pegaram a faca levando o objeto embora. Não há informações sobre a identificação dos homens que estavam na motocicleta.

O post Mulher brava e mais embriagada mata a facadas homem em bar apareceu primeiro em PaginaBrazil.Com.